Como a correta precificação auxilia na redução dos impostos de bares e restaurantes

Qual o custo de produção e percentual de lucro de um dos pratos servidos em seu bar ou restaurante? Você sabe exatamente qual o valor de cada ingrediente e como equilibrar o custo de produção com a percepção de valor de seu produto?

 

Essas perguntas fazem parte de qualquer estratégia de precificação que tem como objetivo aumentar a lucratividade e rentabilidade dos negócios que comercializam alimentos. 

 

Mas, para além disso, como adotar uma política de precificação em sua empresa que seja capaz, também de, alcançar um cenário de redução dos impostos?

 

Pensando nisso, nosso time de especialistas desenvolveu este artigo abordando o que implica uma estratégia de precificação, qual a carga de impostos incidentes na atividade de bares e restaurantes. 

 

Sobretudo, respondendo à pergunta de como precificar de forma adequada impacta na redução dos impostos de bares e restaurantes. 

 

Boa leitura! 

 

Estratégias de precificação para bares e restaurantes

 

Uma boa estratégia de precificação é capaz de aumentar a lucratividade e rentabilidade de um estabelecimento, inclusive, prevendo a possibilidade de redução dos impostos

 

Do mesmo modo, adotar critérios de precificação inventivos ou desatentos pode acarretar no cenário oposto: aumento de custo operacional, incidência de tributos não previstos e queda na rentabilidade e potencial crise financeira da empresa.

 

Para se constituir um planejamento estratégico de precificação sobre os produtos comercializados em bares e restaurantes é necessário o acompanhamento de contadores especialistas neste setor.

 

Em primeiro aspecto, devido à natureza da atividade econômica de bares e restaurantes e o conjunto de variáveis a serem consideradas no momento de estabelecer um preço final ao consumidor. 

 

O produto comercializado no setor de alimentos deve ser precificado de acordo com o total de insumos necessários para a sua produção. Um simples prato-feito apresenta, por vezes, quatro a cinco ingredientes diversos.

 

E, evidentemente, o restaurante é um intermediário que processa o alimento e o comercializa. Caso haja flutuações inflacionárias em determinado momento, a política de precificação deve corresponder de maneira que se mantenha a cartela de clientes. 

 

No entanto, alguns fatores simples devem sempre ser levados em consideração na hora de se avaliar e empregar práticas de precificação. 

 

  • Custos fixos: relativos à operacionalização da empresa, como aluguel, serviços de telefonia e internet, taxas de manutenção recorrentes etc.
  • Custos variáveis: juros e taxas de cartão de crédito, produtos, fretagem etc.
  • Custo real de produção: relação entre os custos dos insumos básicos no preparo da comida
  • Estratégia de valor e preço: nem sempre o consumidor paga pelo preço real de produção já acrescido de margem de lucro. Pode-se agregar valor simbólico ao seu produto, aumentando portanto a margem de lucro pelo peso da marca de seu estabelecimento

 

Precificar de maneira correta exige a atenção de uma equipe de contadores especialistas que possam acompanhar regularmente o negócio. De maneira a avaliar o momento alterar critérios, adequar ou estabelecer novos na política de precificação.

 

No entanto, como a precificação impacta na redução dos impostos para bares e restaurantes

 

Impostos pagos por bares e restaurantes

 

A incidência de impostos, tributos e taxas é variável de acordo com o regime tributário adotado pelo estabelecimento, assim como do seu local de atividades comerciais. 

 

Neste sentido, para se traçar estratégias de redução dos impostos, o primeiro passo é avaliar a qual regime o bar ou restaurante está vinculado. E isto vale também para as alíquotas previstas para cada tributo. 

 

Genericamente, bares e restaurantes são tributados com os seguintes impostos:

 

  • ISS: Imposto sobres Serviços de Qualquer Natureza;
  • IPI: Imposto sobre Produtos Industrializados;
  • IRPF: Imposto de Renda Retido na Fonte;
  • INSS: Instituto Nacional do Seguro Social;
  • COFINS: Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social;
  • IRPJ: Imposto de Renda para Pessoa Física;
  • PIS: Programa de Integração Social e Programa de Formação de Patrimônio do Servidor Público;
  • CSLL: Contribuição Social sobre Lucro Líquido;
  • ICMS: Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços;
  • CPP: Contribuição Previdenciária Patronal. 

 

A depender do regime de tributação adotado e das práticas econômicas dos estabelecimentos, podem incidir alíquotas variadas. 

 

Do mesmo modo, vale sempre a pena lembrar que municípios, estados e a federação dispõem de programas especiais de isenção fiscal. Isto é, políticas de fomento que beneficiam setores produtivos específicos.

 

Nesse sentido, vale a pena sempre analisar se a sede de seu bar ou restaurante apresenta algum tipo de redução na carga tributária e fiscal implementada por entes de administração direta do poder público.

 

Mas, como uma boa estratégia de precificação impacta na possibilidade de redução dos impostos? 

 

Como a precificação auxilia na redução dos impostos pagos?

 

Imaginemos que um determinado restaurante esteja sob o regime de Lucro Real e com apuração trimestral. Desse modo o recolhimento de CSLL terá incidência sobre os valores reais alcançados no período. 

 

Imaginemos que entre um e outro período de recolhimento do CSLL a demanda de seu estabelecimento foi alta devido a uma alteração no cardápio. 

 

No entanto, devido a uma estratégia de precificação equivocada, que provocou uma margem de lucro acentuada, o recolhimento de CSLL superou o que você havia previsto de caixa para investimentos futuros. 

 

Nesse cenário, uma precificação atraente e que gerou clientela impactou, diretamente, nos valores de recolhimento dos impostos incidentes no seu regime tributário.

 

Outro exemplo. Imagine que um restaurante deseje expandir sua área de atuação, cobrindo bairros e cidades vizinhas. O investimento em marketing gerou resultados positivos e, desde então, o restaurante atende a duas cidades vizinhas.

 

A política de expansão do restaurante se fundamentou numa estratégia de disponibilizar a opção de venda de comidas pré-prontas (como massas ou quitutes). 

 

Com isso, além dos custos de fretagem para envio das mercadorias, o restaurante também terá incidência de ICMS devido à circulação de produtos com intuito econômico. 

 

Dependendo da Unidade Federativa de domicílio fiscal da empresa, as alíquotas podem variar e, consequentemente, impactar na gestão fiscal e financeira do negócio.

 

Desse modo, uma política de expansão do negócio com aparentes resultados positivos pode ser prejudicial sob o ponto de vista tributário. 

 

E lembre-se sempre: as empresas devem apresentar aos órgãos públicos de fiscalização de recolhimento tributário guias e documentos padronizados cujo objetivo é informar a atividade fiscal e financeira de empresa. 

 

A análise desta rede de fatores tributários é de competência de um contador ou equipe especializada tanto em precificação quanto em contabilidade tributária capaz de propor, efetivamente, uma precificação que auxilia na redução dos impostos. 

 

Ou seja, a partir da avaliação criteriosa de especialistas toda uma política efetiva e rentável de precificação possibilita que a incidência de impostos e tributos seja reavaliada. 

 

Considerando uma gama de fatores conjunturais e contextuais, a equipe de contabilidade tem a habilidade e o conhecimento necessários para indicar se uma estratégia de precificação pode gerar ou não um aumento na carga tributária prevista.

 

E, do mesmo modo, indicar qual o melhor caminho a adotar quando se pondera precificação e redução dos impostos.

 

Conte com a Nexxo Empresarial na hora de adotar estratégias de precificação e redução de impostos

 

No setor de bares e restaurantes, saber precificar de maneira assertiva demanda um tipo de visão especializada e com experiência comprovada neste modelo de negócio.

 

As variáveis são múltiplas e desconsiderá-las pode acarretar em prejuízos reais e, por vezes, irreversíveis para a saúde financeira do estabelecimento. 

 

Nestas horas, conte com a Nexxo Empresarial. Somos experts em contabilidade para bares e restaurantes, sobretudo na elaboração de estratégias de redução dos impostos

 

Entre em contato conosco e acesse o nosso blog para mais informações.

 

Classifique nosso post [type]

Agende uma reunião agora mesmo!

Estamos te esperando, vai ficar adiando o seu sucesso até quando? Entre em contato clicando no botão que está aparecendo em sua tela.

Inscreva-se na nossa Newsletter!

Compartilhe nas redes:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Veja também

Posts Relacionados

Recomendado só para você
O BPO Financeiro para Bares e Restaurantes é uma estratégia…
Cresta Posts Box by CP
Thomson Reuters Squarelogo 1625149122324 - Nexxo Inteligência Empresarial
Clique no botão abaixo para acessar a área do cliente!
Nexxo Marca Nova Hub - Nexxo Inteligência Empresarial
Clique no botão abaixo para acessar a área do cliente!

Quero a Mentoria!

Preencha com seus dados para ser redirecionado ao chechout e garantir a sua vaga.